Melanoma Brasil e Instituto Oncoguia divulgam carta aberta sobre consulta pública que avalia incorporação de terapias para melanoma

Compartilhar está publicação

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Em parceria com o Instituto Oncoguia e com apoio de seu comitê científico, compartilhamos uma carta aberta com nossas considerações e pedidos diante da consulta pública que traz recomendação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias (Conitec) contrária à incorporação de todas as medicações modernas para o tratamento de melanoma metastático ao Sistema Único de Saúde (SUS). Confira a carta na íntegra: Posicionamento sobre consulta pública em melanoma. 

Pedimos a todos que nos acompanham que ajudem a divulgar a carta e participem da consulta pública, que fica aberta até 21 de janeiro e está aberta a todos os brasileiros. Precisamos mudar a realidade do melanoma no SUS!

Como participar da consulta pública?
As contribuições devem ser enviadas até o dia 21 de janeiro e é super importante que todos participem!
2. Procurar a consulta número 85, chamada “Terapia-alvo (vemurafenibe, dabrafenibe, cobimetinibe, trametinibe) e imunoterapia (ipilimumabe, nivolumabe, pembrolizumabe) para o tratamento de primeira linha do melanoma avançado não-cirúrgico e metastático”
3. Estudar o material disponível e enviar suas contribuições por meio deste formulário: https://bit.ly/309dqi0

 

Receba nossa newsletter

Newsletter

Explore outros temas

Instituto Melanoma Brasil

faça sua parte, doe!

Receba nossa newsletter

Siga-nos nas redes sociais

Inscreva-se no canal

© 2020 Melanoma Brasil // Todos os direitos reservados

small_c_popup.png

Cadastre-se

Receba nossa newsletter

Newsletter

X