Cuidados com a pele no outono

A pele precisa de cuidados especiais no outno, veja quais são.

Compartilhar está publicação

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

 O verão acabou, mas a pele continua exigindo atenção especial. Afinal, o clima seco e as temperaturas mais baixas do outono, que começa hoje no país, atingem diretamente o maior órgão do nosso corpo, facilitando a descamação e o ressecamento. Precisamos de cuidados com a pele no outono. 

Há pessoas que chegam até mesmo a desenvolver eczema atópico ou dermatite atópica, uma inflamação mais comum em áreas como rosto, pernas e dobras de pele. Como a produção de gordura pelas glândulas sebáceas também pode mudar, a oleosidade da pele pode ter alterações.
No entanto, bastam medidas simples para manter a pele bonita e saudável nesta estação do ano.

Confira os cuidados com a pele no outono:

Capriche na proteção solar

Não deixe a fotoproteção de lado só porque o clima esfriou. No outono (e no inverno também!) é necessário continuar usando filtro solar com FPS 30, no mínimo, todos os dias, e reaplicar periodicamente. Dê preferência aos produtos com ativos hidratantes. A emissão de raios ultravioleta é ininterrupta e se mantém mesmo nos dias frios ou nublados. Portanto, mantenha a rotina diária de proteção para prevenir melanoma e outros problemas de pele.

Evite os banhos muito quentes

Resista à tentação de aumentar a temperatura do chuveiro. A água quente deixa a pele ressecada, pois remove sua camada natural de proteção. Portanto, prefira banhos mais curtos, com água morna. Não use buchas e evite esfoliação excessiva, para não agredir a pele.

Hidrate-se

O clima mais seco pede uma hidratação mais caprichada. Assim, use diariamente um hidratante apropriado ao seu tipo de pele, no rosto e no corpo. Produtos à base de aloe vera, ureia e óleo de amêndoas são uma boa opção para quem tem pele seca. Não descuide da ingestão de líquidos, e tente beber dois litros de água por dia. Além disso, os lábios também precisam de proteção. Use manteiga de cacau ou outros produtos específicos, para prevenir rachaduras.

Finalmente, para minimizar a chance de ressecamento, evite o uso de ar-condicionado. Em dias de clima muito seco, se possível, utilize um umidificador de ar.

Receba nossa newsletter

Newsletter

Explore outros temas

Não é só o paciente que sente na pele o melanoma. A médica Camilla Oliari conta como a história de sua avó, Dona Yvone, paciente de melanoma metastático, modificou sua vida e suas escolhas.
Blog

Camilla Oliari

Como sempre falamos aqui, não é apenas o paciente que sente o melanoma na pele. Aos 9 anos, Camilla Oliari viveu a difícil experiência de

Tereza de Fátima e Silva descobriu o melanoma em estágio inicial.
Blog

Tereza de Fátima e Silva

A Tereza de Fátima e Silva vive em São Bento do Sapucaí, no interior e São Paulo, e trabalha como costureira. Alguns anos atrás, ela

Instituto Melanoma Brasil

faça sua parte, doe!

Receba nossa newsletter

Siga-nos nas redes sociais

Inscreva-se no canal

© 2021 Melanoma Brasil // Todos os direitos reservados

Seja um voluntário do Instituto

Faça parte do nosso banco de voluntários. Clique abaixo e preencha um formulário com seus dados e entraremos em contato para que você possa participar, com seus talentos, de ações desenvolvidas pelo Melanoma Brasil.

Faça sua doação!

small_c_popup.png

Cadastre-se

Receba nossa newsletter

Newsletter

X