Instituto Melanoma Brasil participa de talk show no Hospital Sírio Libanês

Compartilhar está publicação

O Instituto Melanoma Brasil acredita que a disseminação de informações de qualidade tem um papel importante na prevenção e detecção precoce do melanoma, e tem nessa atividade um dos seus pilares de atuação. Assim, foi com satisfação que a organização aceitou o convite para participar do talk show “Cuidados com a pele”, promovido pelo Hospital Sírio Libanês no dia 18 de dezembro, em São Paulo.

O talk show, que faz parte das atividades relacionadas ao Dezembro laranja, trouxe esclarecimentos sobre fotoproteção, prevenção e detecção do câncer de pele. Às vésperas do verão, especialistas mostraram como se pode aproveitar a época mais quente do ano de forma responsável e segura.

O evento reuniu os médicos Cristina Abdalla e Reinaldo Tovo, coordenadora e integrante, respectivamente, do Núcleo Avançado de Câncer de pele do Sírio Libanês, Marina Sahade, oncologista do Centro de Oncologia da instituição, e José Antonio Sanches, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia.  Completaram a lista o doutor Rodrigo Munhoz, oncologista do Centro de Oncologia do hospital e membro do Comitê Científico do Instituto Melanoma Brasil, e Soraia Nakano, diretora do Instituto, que apresentou o trabalho da organização e trouxe sua perspectiva de ex-paciente. “Foi uma honra participar representando a nossa fundadora, Rebecca Montanheiro”, conta ela.

Dr. Rodrigo destaca a importância de, além das orientações médicas, enriquecer o debate com diferentes pontos de vista. “O Instituto Melanoma Brasil tem uma atuação consolidada em prol dos pacientes e atua fortemente na divulgação de informações, o que ajuda a multiplicar o conhecimento compartilhado no encontro”, afirma ele. O talk show foi transmitido ao vivo na página do hospital Sírio Libanês. Para assistir,  acesse https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=1398402533618756&id=426383670820652.

 

 

Receba nossa newsletter

Newsletter

Explore outros temas

Carine Santa a e sua filha, MAria Clara, paciente de melanoma
Eu Senti na Pele

Carine Santana

Carine Santana, 28 anos, de Vitória (ES),  nunca tinha ouvido falar em melanoma. Foi uma grande surpresa para quando Maria Clara, sua filha de 8

Instituto Melanoma Brasil

faça sua parte, doe!

Receba nossa newsletter

Siga-nos nas redes sociais

Inscreva-se no canal

© 2023 Melanoma Brasil // Todos os direitos reservados

Seja um voluntário do Instituto

Faça parte do nosso banco de voluntários. Clique abaixo e preencha um formulário com seus dados e entraremos em contato para que você possa participar, com seus talentos, de ações desenvolvidas pelo Melanoma Brasil.

Faça sua doação!

small_c_popup.png

Cadastre-se

Receba nossa newsletter

Newsletter