História do Instituto

Melanoma Brasil

O Instituto Melanoma Brasil é uma organização não governamental sem fins lucrativos que nasceu em abril de 2014, após o diagnóstico de melanoma de sua idealizadora, Rebecca Montanheiro. O desejo de conhecer mais sobre a doença e entender o que ela é, seus perigos, as formas de tratamento além de poder encontrar outros pacientes em situação semelhante para compartilhar o que sentia, foram propulsores para o início de uma Fanpage e da marca Melanoma Brasil.

 

O trabalho cresceu e ganhou credibilidade e espaço. A pequena iniciativa passou a ter projetos maiores de comunicação, campanhas, materiais e especiais  “guerreiros(as) de pinta”, como carinhosamente são chamados os pacientes, foram chegando, se conhecendo, apoiando uns aos outros e assim nasceu também o Grupo de Apoio e Acolhimento a Pacientes, em junho de 2014.

 

Um trabalho 100% voluntário e apaixonado pela causa, fez com que outros pacientes e profissionais das mais variadas habilidades se juntassem para consolidar a iniciativa Melanoma Brasil em Instituto, formalizado em setembro de 2016.

 

Atualmente o Instituto Melanoma Brasil atua na divulgação e conscientização sobre o melanoma, o tipo de câncer de pele mais perigoso e letal. Entre seus objetivos está promover a educação sobre a importância do autocuidado, da prevenção e do diagnóstico precoce para toda a população. Além de promover ações de comunicação, o Instituto também acolhe, incentiva o relacionamento e troca de experiências entre pacientes diagnosticados com a doença e os apoia em sua jornada contra o melanoma.

 

O Instituto acredita que a informação de qualidade pode contribuir para a prevenção do melanoma e para um diagnóstico precoce da doença. Com sua missão e visão pretende contribuir, apoiar e desempenhar ações e melhores práticas, executando de formar transparente e ética, em respeito a todos e com carinho especial aos pacientes.