Fotoproteção na infância

Compartilhar está publicação

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

A fotoproteção deve ser iniciada o mais cedo possível. A ocorrência do câncer de pele vem crescendo a cada ano, e a proteção solar é a medida mais efetiva para a prevenir a doença.

Até os 20 anos, recebemos a maior dose de radiação ultravioleta de nossas vidas. Assim, nunca é cedo demais para iniciar as medidas de fotoproteção, que devem começar na infância. Antes dos 6 meses de idade, o bebê deve ser protegido com roupas, bonés, guarda-sol, além de respeitar os horários ideais para exposição solar. Após os 6 meses, está autorizado o uso de fotoprotetores infantis, pois são mais adequados a pele sensível do bebê, diminuindo as chances de alergia.

Sugere-se aplicar o filtro solar na criança a cada 2 horas, em média, e abusar das roupas com fator de proteção ultravioleta. O repelente deve ser aplicado acima do filtro solar.

Além disso, após o banho deve-se usar um bom hidratante para compensar o ressecamento causado pelo sol e pela imersão na água. Não se esqueça de oferecer líquidos, furtas e verduras para manter a hidratação corporal.

Quanto mais precocemente esses hábitos forem instituídos, mais automáticos serão, o que contribui para uma vida adulta mais saudável. Vamos ensinar nossos pequenos a curtir o melhor do sol!

Receba nossa newsletter

Newsletter

Explore outros temas

Eu Senti na Pele
Blog

Andressa Gontijo

Uma pinta estranha no colo causou desconfiança na Andressa Gontijo, veterinária de 39 anos. Ela precisou percorrer um longo caminho até finalmente obter um diagnóstico

Instituto Melanoma Brasil

faça sua parte, doe!

Receba nossa newsletter

Siga-nos nas redes sociais

Inscreva-se no canal

© 2021 Melanoma Brasil // Todos os direitos reservados

Faça sua doação!

small_c_popup.png

Cadastre-se

Receba nossa newsletter

Newsletter

X